Nike e Apple trabalham juntas para novos projetos de dispositivos portáteis

0
79

Duas das maiores empresas norte-americanas, Nike e Apple estão trabalhando em conjunto para desenvolver novos dispositivos portáteis para a prática de esporte. Com a junção de forças, o diretor-executivo da empresa do Swoosh, Mark Parker, se mostrou confiante em expandir a base de usuários do Nike+, plataforma da marca que mede desempenho da atividade física.

“Olhando para o futuro, Nike e Apple podem juntas fazer coisas que seriam impossíveis se fizessem separadas… Claro, parte do nosso plano é o de expandir o fronte de dispositivos digitais e ir de 25 milhões de usuários do Nike+ para centenas de milhões”, declarou Mark Parker, em entrevista ao canal Bloomberg. [[imagem20938]] As duas marcas sempre tiveram um relacionamento próximo, incluindo projetos de sucesso como em ferramentas nos dispositivos da Apple (Nike+) e o que está sendo lançado Apple Watch. A empresa da maça chegou a contratar um diretor de design da Nike no ano passado para desenvolver tais aplicativos.

Há poucos meses, a Nike lançou o FuelBand (foto), mas posteriormente acabou abandonando o projeto. Era uma pulseira para se vestir na prática de esportes e que dava uma leitura bem didática do desempenho de um esportista durante a prática.

Apesar do insucesso, a nova tentativa mostra que o mercado está investindo nessa área, que espera para 2017, segundo dados da publicação WWD , um indústria que movimente até 278 milhões de dispositivos digitais portáteis.

A Intel é outra que investe na área e convidou algumas marcas da indústria da moda para aproveitar uma fatia desse mercado. A Amazon já apresentou uma plataforma online na Inglaterra. E a Ralph Lauren criou uma linha pólo tech, com camisetas que captam informações biológicas dos esportistas.