Coutinho supera Gerrard e lidera venda da nova camisa do Liverpool

0
92

Nem a do capitão Steven Gerrard e nem a do artilheiro Luis Suárez. A nova camisa da Warrior do Liverpool que mais vendeu no primeiro mês em que esteve disponível foi a do brasileiro Philippe Coutinho, jovem contratação de R$ 28,5 milhões na janela de transferências de janeiro deste ano.

Conheça a página especial do Liverpool

O jogador chegou da Inter de Milão e rapidamente conquistou o coração dos torcedores com um futebol envolvente e um rosto de criança. Habilidade e visão de jogo produziram três gols e cinco assistências em 13 partidas, 12 delas como titular.

[[galeria]]

Foi o suficiente para a sua camisa 10 ser mais vendida que a 8 do lendário Steven Gerrard, por exemplo, ou a 15 de Daniel Sturridge, outra contratação da mesma janela que também produziu resultados imediatos: 11 gols em 16 jogos.

Leia mais: Em vídeo, Coutinho aparece com terceira camisa do Liverpool antes de lançamento

Luis Suárez aparece apenas em quarto lugar, seguido pelo zagueiro Daniel Agger, o volante brasileiro Lucas, o jovem meia inglês Jordan Henderson, o goleiro Pepe Reina, o atacante Raheem Sterling e o lateral direito Glen Johnson.

Resgatando o passado vitorioso do clube, a Warrior inspirou-se no título europeu de 1983/84 e lançou uma camisa clássica para a temporada 2013/14.