Palmeiras mira substituto de Gustavo Scarpa

Palmeiras monitora substituto de Gustavo Scarpa. (Foto: Reprodução)
Palmeiras monitora substituto de Gustavo Scarpa. (Foto: Reprodução)
publicidade

Gustavo Scarpa não continua no Palmeiras ao final desta temporada atual. O atacante já assinou um pré-contrato com o Nottingham Forest, da Inglaterra, e irá jogar no futebol europeu a partir de janeiro.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Com seis meses para encontrar um substituto, a diretoria do Verdão já analisa algumas opções que possui no mercado para que, assim, possa recompor o elenco a altura na posição deixada por Scarpa.

publicidade

O atacante Bruno Tabata, que atualmente defende o Sporting, de Portugal, está na mira da diretoria do Verdão e pode, futuramente, ser o grande nome para substituir Gustavo Scarpa dentro do elenco de Abel Ferreira.

Leia também

publicidade

Palmeiras busca substituto de Gustavo Scarpa

Gustavo Scarpa deixa o Palmeiras no final desta temporada. (Foto: Reprodução)
Gustavo Scarpa deixa o Palmeiras no final desta temporada. (Foto: Reprodução)

Bruno Tabata é um jogador polivalente no ataque. Além de possuir características para jogar como um ponta, assim como Scarpa, ele também já atuou no meio-campo, como um camisa 10, conduzindo a equipe.

publicidade

Com características semelhantes as de Gustavo Scarpa, que está de saída no final deste ano, Bruno Tabata surge como uma opção para o Palmeiras que já trabalha em cima de um nome para substituir o camisa 14.

Abel Ferreira fala sobre sorte do São Paulo após eliminação na Copa do Brasil

O Palmeiras acabou sendo eliminado nas oitavas de final da Copa do Brasil para o São Paulo nesta última quinta-feira, 14 de julho. Após vencer por 2 a 1, o Verdão acabou perdendo a disputa por pênaltis.

publicidade

Com um grande volume de jogo ao longo de quase todos os 90 minutos, o time de Abel Ferreira teve oportunidades para matar o duelo, mas não conseguiu e viu o São Paulo empatar o duelo em cobrança de pênalti.

Sobre a partida, Abel Ferreira sinalizou um fator épico que envolve o futebol de um modo geral e que não está sob o controle de nenhum trabalho feito dentro de uma equipe profissional.

publicidade

“Não vamos procurar explicações. Futebol é isso: tem um pênalti para eliminar o adversário e no lance seguinte sai o gol. Se vocês verem o jogo em ângulo aberto, nos primeiros 15 minutos, os jogadores deles não sabiam o que fazer. Não vou falar de tática, não há tática. Futebol é isso, nem sempre ganha quem joga melhor”, disse Abel Ferreira.

O que você achou? Siga @guiadoboleirooficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

publicidade
Lucas Gervazio23 anos, jornalista durante a maior parte do tempo. Apaixonado por futebol, agora atuando no Guia do Boleiro como o camisa 9 na pelada.
Veja mais ›
Fechar