Zé Love lamenta afastamento dos campos e faz apelo: “Meu coração chora”

Zé Love
Zé Love lamenta afastamento dos campos e faz apelo: "Meu coração chora" (Imagem: Reprodução / Instagram)
publicidade

Após ter cuspido e agredido um assistente em uma partida entre o Brasiliense e o Ferroviária, válida pela Série D do Brasileiro, Zé Love desabafou nas redes sociais. O jogador está há oito meses sem entrar em campo e busca um novo clube após cumprir pena de 130 dias dias afastado.

 

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

Entre entrevista para o GE, o atleta revelou que está aperfeiçoando sua parte física, treinando bastante, mas está complicado ficar sem contrato. O profissional ainda disse que pessoas ruins passaram em branco e ele acabou servindo de cobaia.

Leia também

“Jogador que deu cabeçada em juíza já está jogando, que chutou juiz está em atividade. Mesmo sem imagens de que cuspi ou agredi, fui condenado e tratado como bandido pelo tribunal. Muita gente que jogou comigo sabe da minha índole e caráter. Por ter apelido de Zé Love acha que é de cara que vive na noite, bebendo e fazendo coisas erradas”.

Posteriormente, o rapaz afirmou que a intenção é abrir seu coração. “Dizer que todo dia meu coração chora porque não lembro de ter feito dois anos tão bons como 2020 e 2021 de gols e conquistas, tirando o que conquistei no Santos”, acrescentou.

O craque disse que contraiu uma doença e que depois não teve mais apoio nenhum, ‘principalmente do Brasiliense’. A punição do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) foi de 380 dias de gancho após a confusão.

Zé Love foi acusado de cuspir e chutar um dos assistentes do trio de arbitragem

Zé Love
Zé Love lamenta afastamento dos campos e faz apelo: “Meu coração chora” (Imagem: Reprodução / Instagram)

Com a condição do pagamento de uma multa no valor de R$ 40 mil, a pena do jogador foi reduzida para 130 dias. Porém, ele ressalta que não fez nada para ser condenado.

“Tomei 380 dias sem eu fazer nada, sem imagens e sem fazer nada para ser condenado. As pessoas me perguntam se acabou a punição, e o que eu respondo sendo que não fiz? Julgar é fácil, difícil é estar na pele e não saber o que responder. Se tivesse cuspido e agredido eu admitiria, mas jamais cuspiria em um ser humano e cachorro, mas agredir não posso dizer porque todo ser humano pode acabar perdendo a cabeça. Mas não fiz isso contra o árbitro”.

Zé Love afirmou que segue treinando em casa e se dedicando para poder retornar ao trabalho. Ele afirmou que está abalado por ver o filho dele questionando o motivo de não estar jogado, mas não saber explicar os detalhes.

O que você achou? Siga @guiadoboleirooficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Henrique Carlos
Henrique CarlosApaixonado por televisão e cinema, desde 2009 trabalha com internet. Já passou por grandes veículos de comunicação e teve experiência no rádio. Atualmente estuda para continuar crescendo na área e pode ser acompanhado através do perfil @henriquethe2 no Twitter.
Veja mais ›
Fechar