Após susto com a polícia, jogador revela ter pensado que iria morrer

Tiémoué Bakayoko
Após susto com a polícia, jogador revela ter pensado que iria morrer (Imagem: Reprodução / Instagram)
publicidade

O jogador Tiémoué Bakayoko, que está emprestado no Milan, passou por um momento desesperado recentemente. As imagens em que ele aparece em uma abordagem truculenta da polícia italiana chocaram a web.

De acordo com informações divulgadas pela imprensa internacional, o momento aconteceu há cerca de vinte dias. Porém, o vídeo ganhou notoriedade e começou a circular na última segunda-feira (18), no Twitter.

publicidade

A pessoa que gravou aparentemente estava em um dos carros atrás do jogador. Os internautas sentenciaram a atitude como mais um caso de racismo. O volante que é do Chelsea, foi retirado do carro ao ser confundido com um indivíduo envolvido em um tiroteio.

Leia também

publicidade

Nas imagens, Tiémoué é retirado do carro enquanto uma das agentes da polícia aponta uma arma para sua família no veículo. Nesse momento, um terceiro oficial se aproxima e começa analisar a situação. Com os colegas agindo de forma extremamente truculenta, ele parece tentar reconhecer o jogador.

Um tempo depois, o atleta é reconhecido e o policial avisa os colegas de trabalho. Eles então liberam o rapaz.

publicidade

Jogador Tiémoué abre o jogo e desabafa sobre a abordagem agressiva da polícia na Itália

Tiémoué Bakayoko
Polícia interrompe abordagem violenta ao reconhecer jogador do Milan (Imagem: Reprodução / Instagram)

Vendo que seu vídeo viralizou nas redes sociais, o craque resolveu falar sobre o assunto pela primeira vez. Em suas redes sociais, o rapaz pontuou que a situação foi realmente violenta e agressiva.

“Eles claramente colocaram nossas vidas em perigo. Não tenho problemas com erro humano, mas as formas e meios que a polícia usou me causam um problema”.

“As coisas foram mais longe do que deveriam. Por que eles simplesmente não fizeram uma verificação digna do veículo? Eles poderiam ter me pedido os documentos do carro e se comunicado comigo”.

No país, a abordagem continua rendendo uma enorme polêmica. A polícia local está sendo acusada de racismo e as emissoras de televisão levaram as imagens ao ar. Bakayoko afirmou que temeu pela própria vida quando teve uma arma apontada a ele. Confira o vídeo:

publicidade

O que você achou? Siga @guiadoboleirooficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Henrique Carlos
Henrique CarlosApaixonado por televisão e cinema, desde 2009 trabalha com internet. Já passou por grandes veículos de comunicação e teve experiência no rádio. Atualmente estuda para continuar crescendo na área e pode ser acompanhado através do perfil @henriquethe2 no Twitter.
Veja mais ›
Fechar