Os Bastidores da saída de Leonardo Garciba da comissão de arbitragem

Os Bastidores da saída de Leonardo Garciba da comissão de arbitragem
Os Bastidores da saída de Leonardo Garciba da comissão de arbitragem (Divulgação/Globo Esporte)
publicidade

Após frequente erros do VAR o presidente da comissão de Arbitragem Leonardo Garciba foi demitido. Entretanto essa história é bem mais longa do que parece.

A demissão de Leonardo Garciba da presidencia da comissão de arbitragem já era algo mais que esperado. Com os constantes erros e reclamações a respeito do VAR, a saída de Garciba era algo já esperado. Entretanto a demissão do ex árbitro já era algo agendado e nos bastidores, Leonardo tinha atitudes bastantes controversas.

publicidade

Segundo matéria de Rodrigo Mattos do site UOL, Garciba já estaria demitido há mais de um mês; Entretanto o presidente interino da CBF, Ednaldo Rodrigues, apenas adiantou a demissão que seria no final do Brasileiro. Mas devido aos diversos erros nas últimas três rodadas a decisão foi antecipada e agora quem assume interinamente é seu vice Alicio Pena Júnior.

Ainda segundo a matéria não foram só os erros que fizeram com que Leonardo Garciba fosse deposto da presidência da comissão. As atitudes do presidente da comissão também contribuíram para sua saída; Segundo Mattos Garciba não aceitava bem interferências em seu trabalho, sejam críticas ou sugestões.

publicidade
Leonardo Gaciba fora da Comissão de Arbitragem
Leonardo Gaciba fora da Comissão de Arbitragem (Divulgação/CNN)

Leia Mais: Novo presidente da comissão de arbitragem fala sobre futuro do VAR

Mas talvez o principal motivo talvez tenha sido a resistência a compartilhar os áudios da cabine do VAR. Segundo Rodrigo Mattos e Pedro Ivo Almeida dos Canais Disney; Garciba queria que os áudios fossem editados antes de serem no site oficial da CBF, o que não ocorreu. Essa atitude irritou o alto escalão da CBF.

publicidade

Apesar de Garciba ter sido contra a publicação, Ednaldo publicou os áudios. Segundo Matéria do Site ESPN, a razão da não publicação dos áudios era para não alimentar a cobrança do público.

Um dos motivos da permanência de Garciba foi o momento turbulento que vive a CBF. Pois, a saída de Rogério Caboclo, fez com que o atual presidente Ednaldo Rodrigues levasse tempo para se adaptar e realizar as devidas alterações. Assim, Leonardo que já vinha sendo criticado desde o ano passado conseguiu mais tempo no cargo.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

Agora cabe a Alício Pena Júnior, definir quais serão os rumos da arbitragem brasileira; O novo presidente prometeu mudanças como a diminuição do tempo de consulta no VAR e mais capacitação e treinamento para os árbitros.

O que você achou? Siga @guiadoboleirooficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

João Gabriel
João GabrielFormado em Letras: Português e Inglês, é um amante do futebol de todos os cantos do globo e vem se dedicando a expor sua paixão pelo futebol como redator especialista do Guia do Boleiro.
Veja mais ›
Fechar