Quando o Flamengo começou a se acertar como time?

Quando o Flamengo começou a se acertar
Reprodução/Twitter
publicidade

Hoje em dia o Flamengo decola e é uma das maiores equipes do Brasil e da América, mas quando foi que o Flamengo começou a se acertar?

Hoje em dia o Flamengo é uma referência quando assunto é futebol bem jogado, e até mesmo de elenco. Apesar da queda de rendimento com Domenec e Rogério Ceni ainda sim o time tinha um desempenho acima da média. E hoje com Renato Gaúcho o Flamengo supera todas as suas marcas até da sua melhor fase.

publicidade

Mas é correto dizer que isso tudo começou apenas em 2019 quando Jorge Jesus chegou e acertou o time fazendo o mesmo jogar para vencer com um futebol jamais antes visto no Brasil. Vamos analisar a linha do tempo Flamenguista e tentar entender quando o Rubro Negro começou a se acertar.

Quando o Flamengo começou a se acertar como time?
Quando o Flamengo começou a se acertar como time? (Reprodução/Twitter)
publicidade

Quando o Flamengo começou a acertar como campeão

Brevemente podemos dizer que isso começou na gestão Bandeira de Melo quando os gastos passaram a mais bem administrados. Em um período entre 2013 quando assumiu até 2015 o Clube segurou os gastos e quitou dívidas, contratando basicamente jogadores que se destacavam em times pequenos. Neste período ainda sim conquista a Copa do Brasil em 2013 e um Campeonato Estadual em 2014.

Leia mais: Com expulsão polêmica, Atlético Mineiro vence Palmeiras

publicidade

Entretanto as questões financeiras não vêm ao caso, o que importa aqui é saber desde quando o Flamengo começou a montar sua equipe vencedora. E isso começou por volta de 2016 quando William Arão e Diego foram contratados; logo após em 2017 quem chegou foi Everton Ribeiro e Diego Alves. Em 2018 Vitinho fazia parte da equipe e somente em 2019 Arrascaeta, Gabigol e Bruno Henrique passaram a fazer parte do time.

O que mostra que este time do Flamengo foi montado aos poucos e desde 2016 que foi quando time ficou em terceiro no Campeonato Brasileiro. Em 2017 foi Campeão Estadual e vice da Copa do Brasil e da Copa Sul-Americana, primeira vez em 20 anos que o rubro Negro voltava a final de um torneio internacional.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

Isso tudo deu bagagem e força para que a equipe voltasse a vencer como está vencendo até hoje. Basta pensar que a geração de 1981 antes de começar a sua sequência vitoriosa era tida como uma geração perdedora. Desta forma é preciso perder para se ganhar.

O que você achou? Siga @guiadoboleirooficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

João Gabriel
João GabrielFormado em Letras: Português e Inglês, é um amante do futebol de todos os cantos do globo e vem se dedicando a expor sua paixão pelo futebol como redator especialista do Guia do Boleiro.
Veja mais ›
Fechar