Atlético-MG: Presidente dá declaração polêmica sobre Daronco x Hulk

Atlético-MG: Presidente dá declaração polêmica sobre Daronco x Hulk.
Atlético-MG: Presidente dá declaração polêmica sobre Daronco x Hulk. (Foto: Reprodução)
publicidade

A novela entre o Atlético-MG e o árbitro Daronco segue rendendo. O duelo contra o São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro, foi protagonizado por lances polêmicos. 

Na ocasião, o Galo pediu a marcação de três pênaltis, que não foram marcados pelo árbitro Daronco. Após a partida, foram liberados os áudios apenas dos lances polêmicos da partida. 

publicidade

No entanto, a liberação dos áudios não foi o suficiente para satisfazer a diretoria do Atlético Mineiro, que segue reclamando dos posicionamentos de Daronco durante o jogo do Brasileirão.

Leia também

publicidade

Nesta quarta-feira, 20 de julho, o presidente do Atlético Mineiro, Sérgio Coelho, voltou a falar sobre a arbitragem brasileira. 

Presidente do Atlético-MG reclama de silêncio da CBF após polêmicas

Atlético-MG: Presidente dá declaração polêmica sobre Daronco x Hulk.
Atlético-MG: Presidente dá declaração polêmica sobre Daronco x Hulk. (Foto: Reprodução)
publicidade

Entre os áudios divulgados pela CBF, a conversa entre Daronco e o atacante Hulk não foi liberada. O presidente do clube mineiro questionou a atitude da confederação em não publicar a conversa. 

Durante entrevista na coletiva, o presidente foi questionado se teve algum posicionamento da CBF em relação a dúvida no segundo gol de Arrascaeta, no confronto da Copa do Brasil contra o Flamengo

publicidade

Segundo Sérgio Coelho, apesar da liberação dos áudios do VAR, a CBF se mantém em silêncio até o momento. 

 

publicidade

“Não falam nada. Absolutamente nada. Zero comentário. Absolutamente nada. Pior que esse lance, foi a denúncia do Hulk em relação à ameaça do Daronco. Ele não disse nada, diz se ameaçou, se não ameaçou, qual foi o tom da conversa. Ninguém da comissão de arbitragem também fala nada, é como se nada tivesse acontecido. Será que isso é razoável? Aceitável?”

O principal alvo das reclamações de Sérgio Coelho é Wilson Luiz Seneme, chefe da Comissão de Arbitragem da Confederação Brasileira. 

publicidade

Para o presidente do Galo, é inadmissível a forma em que a CBF tem conduzido as polêmicas relacionadas à arbitragem brasileira.

“É lamentável a forma como o presidente da comissão de arbitragem da CBF tem conduzido sua atuação no órgão. É incompreensível a falta de diálogo com boa parte dos Clubes e Federações, inclusive com o Galo. No nosso entendimento o Sr Wilson Seneme está no lugar errado. O cargo não condiz com sua postura”

publicidade

Sérgio Coelho afirma que não tentará vetar Daronco nos jogos do Galo

Apesar das polêmicas no jogo contra o São Paulo, o presidente do Atlético Mineiro afirmou que não irá tentar vetar Darono nos jogos do clube mineiro. 

“Não fizemos nenhum pedido para vetar o Daronco dos nossos jogos e nem vamos fazer. Não vamos vetar ninguém, pelo menos a princípio. Acreditamos na competência e na honestidade dos árbitros. Entendemos que foi mesmo um erro”, declarou o presidente. 

O que você achou? Siga @guiadoboleirooficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Whylmys FilhoAspirante a jogador, palpiteiro profissional, comentárista de esquina e especialista em futebol brasileiro e europeu no Guia do Boleiro.
Veja mais ›
Fechar