Flamengo desperdiça a primeira das três oportunidades de título

Flamengo desperdiça a primeira das três oportunidades de título
Flamengo desperdiça a primeira das três oportunidades de título (Divulgação/Terra)
publicidade

O empate com o Athlético-PR deixa o Flamengo mais longe do tricampeonato Brasileiro. Embora matematicamente ainda seja possível.

O Rubro Negro Carioca vem enfrentando problemas que perseguem há muito tempo e pareciam terem sido superados. Nesta tarde o empate contra o Athlético-PR foi a prova de fogo, em uma partida que poderia ter marcado a forra da equipe Carioca contra o Furacão; O Flamengo fez um segundo tempo ruim e levou o empate após ter aberto 2 a 0. E esse resultado pode sair caro!

publicidade

Isso porque agora são 4/9 pontos de diferença para o Atlético Mineiro e caso vença o Grêmio ainda sim serão 7/9 pontos; O que teoricamente ainda manteria o Flamengo dois jogos atrás, mas agora o Atlético teria que perder dois jogos para que o Mais Querido empatasse em número de pontos com o Galo. Entretanto, a matemática não entra em campo e tantos pontos perdidos podem deixar o adversário confortável.

O Flamengo nesta tarde teve problemas com o domínio de jogo, mesmo quando esteve a frente no placar não conseguia segurar o Athlético-PR; Abriu e ampliou o placar devido aos erros da equipe e jogadas individuais. Parece que aquele futebol coletivo de Jorge Jesus e até do começo da vinda de Renato Gaúcho pertencem a um passado muito distante.

publicidade

No segundo tempo foi dominado pelo Athlético, e nos momentos em que poderia ter matado o jogo faltou pontaria, concentração ou etc. O Rubro Negro novamente pecou na bola aérea, levando gols desta forma, a defesa em alguns momentos ficou perdida. Apesar de uma boa atuação, é preciso ressaltar os méritos que o time do Flamengo ainda possui. Entretanto, Renato Gaúcho precisa tirar um ou dois coelhos da cartola não só para o Brasileiro.

Leia Mais: Flamengo vai a busca por um técnico estrangeiro

O Flamengo além da pontuação ainda precisa lidar com as questões de que não consegue ser um time superior como em 2019. Entretanto, hoje em dia a equipe é refém de erros, depende de jogadas individuais e parece que o coletivo já não existe mais. Isso é algo que pode não só atrapalhar o Brasileiro mas pode fazer com que a equipe vá balançada para a Final da Libertadores.

publicidade

Recuperar o time não é apenas uma questão apenas de tentar seguir vivo no Campeonato Brasileiro, é conseguir fazer uma boa final contra o Palmeiras, e ser relevante no Mundial. Afinal de contas é preciso lembrar que as semifinais do Mundial de clubes são traiçoeiras, por isso, é preciso ter um time a altura para enfrentar qualquer adversidade.

E no momento, o Flamengo é apenas um time acima da média que não está bem encaixado e as vezes até inseguro.

O que você achou? Siga @guiadoboleirooficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

publicidade
João Gabriel
João GabrielFormado em Letras: Português e Inglês, é um amante do futebol de todos os cantos do globo e vem se dedicando a expor sua paixão pelo futebol como redator especialista do Guia do Boleiro.
Veja mais ›
Fechar