Santos anuncia demissão do técnico Ariel Holan

publicidade

Na manhã desta segunda-feira (26), o presidente Andres Rueda, comunicou em entrevista coletiva realizada, o desligamento do técnico Ariel Holan do Santos. Segundo o presidente, o técnico pediu demissão do clube, e pediu para que o jogo contra o Boca Juniors fosse o último, mas a diretoria optou por Marcelo Fernandes, auxiliar técnico, assumir o Santos em La Bombonera

“Ponderamos, não era o que eu queria. O pessoal confunde projeto de três anos com contrato de três anos com o treinador. Existe uma quebra de contrato de qualquer parte. Ponderamos e de comum acordo aceitamos essa situação. Tentei reverter, não teve jeito. Houve até caso de fogos no apartamento dele. Soltaram rojões. Isso o deixou de uma maneira pouco confortável”. Disse o presidente Rueda.

publicidade

Ariel Holan estava no comando do Santos desde fevereiro, quando assumiu a equipe no lugar de Cuca. Vindo de maus resultados com o Peixe, a torcida começou a protestar pedindo a saída do técnico. Depois da derrota deste domingo (25), no clássico contra o Corinthians, torcedores do Santos soltaram rojões na frente da residência do treinador. 

O técnico deixa o Santos após 12 partidas, sendo elas, 4 vitórias, três empates e cinco derrotas. Apesar do mau retrospecto, o pedido de demissão do técnico surpreendeu a muitos, visto o pouco tempo de trabalho. 

publicidade

O Santos continua no mercado em busca de um substituto. Segundo o presidente Andres Rueda, o perfil do treinador procurado continua sendo o mesmo de Holan. 

O que você achou? Siga @guiadoboleirooficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Whylmys FilhoAspirante a jogador, palpiteiro profissional, comentárista de esquina e especialista em futebol brasileiro e europeu no Guia do Boleiro.
Veja mais ›
Fechar