Corinthians x Flamengo: Porquê mão na bola de João Gomes não foi dada em gol de Arrascaeta?

Áudios do VAR de Corinthians x Flamengo são divulgados após polêmica em partida da Libertadores. (Foto: Reprodução)
Áudios do VAR de Corinthians x Flamengo são divulgados após polêmica em partida da Libertadores. (Foto: Reprodução)
publicidade

Na noite desta terça-feira (2) aconteceu a partida de ida das quartas de finais da Copa Libertadores, em que terminou com vitória do Flamengo, por 2-0, diante do Corinthians, na Neo Química Arena. Com gol polêmico de Arrascaeta, o time paulista reclamou de toque na mão de João Gomes, porém, arbitragem não contou como infração, saiba o motivo.

Após o meia uruguaio dominar e perder o controle, João Gomes se aproximou do lance e, sem querer, a bola bate no cotovelo do volante, em sequência, o camisa 14 chuta e marca um golaço para o Flamengo. No entanto, gerou muita confusão, pois os corintianos pediram infração no lance, mas não houve.

publicidade

De acordo com a regra da FIFA, quando a bola toca intencionalmente no braço de um jogador e, em seguida, outro jogador marca, o lance é legal – como aconteceu com Arrascaeta e João Gomes. Porém, caso o próprio volante tivesse feito o gol, aí sim seria anulado, pois teria se beneficiado.

Leia também

publicidade

Goleiro do Corinthians reclama de toque na mão

Cássio em jogo pelo Corinthians
Cássio em jogo pelo Corinthians – Foto: Imago Images / Fotoarena

Uma das principais referências do Corinthians, o goleiro Cássio, reclamou ao fim do jogo. Entretanto, foi sincero e diz que a cada momento a regra é atualizada. Contudo, ficou irritado ao ver sua equipe ser derrotado por 2-0, ficando mais difícil conseguir a vaga na semifinal.

publicidade

“A bola bateu na mão no primeiro gol do Flamengo. Não sei o que a regra diz, mas bateu na mão. Mas sempre é ‘chororô’, porque é contra. Mas agora é focar no Brasileirão e continuar trabalhando para o jogo de volta”, desabafou o camisa 12.

Iniciando sua campanha em 1977, o Corinthians já participou de 16 edições da Copa Libertadores. Dentre essas, a melhor foi em 2012, quando foi campeão, diante do Boca Juniors. As participações ocorrem nos anos de 1977, 1991, 1996, 1999, 2000, 2003, 2006, 2010, 2011, 2012, 2013, 2015, 2016, 2018, 2020 e 2022.

publicidade

Nesta temporada, o Timão foi sorteado no grupo E, ao lado de Boca Juniors, Deportivo Cali e Always Ready. Na primeira fase terminou em segundo lugar, classificando-se para às oitavas de finais. Em sequência, enfrentou o rival argentino da fase de grupos. Portanto, nos dois jogos as equipes empataram em 0-0. Nos pênaltis, o Corinthians venceu por 6-5.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Agora, nas quartas, perdeu a ida para o Flamengo, em casa, por 2-0. A volta está marcada para o dia 9, às 21h30, no Maracanã.

O que você achou? Siga @guiadoboleirooficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

publicidade
Veja mais ›
Fechar