Camisas da Inglaterra para Copa 2018 são lançadas pela Nike

0
867

A Nike apresentou nesta quarta-feira as novas camisas da Inglaterra para a Copa 2018, além das linhas de treino e viagem. Tanto o uniforme titular como o reserva da seleção inglesa para o Mundial na Rússia trazem o efeito riscadinho nas mangas da camisa, estilo de design que já vinha sendo adiantado por alguns sites e tema de uma especial do gb.

A nova camisa titular da Inglaterra para a Copa 2018 é bastante clássica (com a cor prioritária em branco e detalhes em vermelho e azul), mas consegue ao mesmo tempo trazer muitos efeitos discretos na camisa, incluindo claro o design “rabiscado” na lateral dos ombros.

A camisa 1 da seleção inglesa traz vários símbolos representativos do país. Dois deles são de longa data: a rosa e a cruz de São Jorge, que está na região da nuca da camisa. Um terceiro, a crista dos Três Leões que adorna o baú do kit da Associação Inglesa de Futebol, vem do século XII.

Além da titular, a Nike apresentou também a camisa reserva da Inglaterra para a Copa 2018. Ela chega no tradicional vermelho, mas também cheia de detalhes sutis, sendo que o principal é a adoção de dois tons do vermelho, cor que foi imortalizada em 1966.

O dorso da camisa é dominado por um gráfico tonal que retrata uma moderna Cruz de São Jorge. Segundo texto da Nike, as listras de dois tons evocam velocidade para refletir a onda juvenil de talento que está assumindo o futebol e a cultura inglesa. Os calções brancos com uma crista branca e as meias vermelhas completam o kit.

Além dos dois uniformes da Inglaterra para a Copa 2018, foram apresentados também a coleção de vestuário da seleção inglesa com destaque para uma camisa branca com um degradê em losango do azul migrando para o vermelho. [[galeria]]

Seleção inglesa renovada

O texto de divulgação da Nike também destaca a reformulação que a seleção inglesa sofreu nos últimos ano. Gareth Southgate leva a um jovem esquadrão, muitos dos quais aparecerão no palco mundial pela primeira vez. Harry Kane, Dele Alli, Raheem Sterling – indo para o seu segundo torneio mundial aos 23 anos – e Marcus Rashford com promessa no ataque.

A dupla do Manchester City, Kyle Walker e John Stones, tentam trazer o entrosamento para o jogo e os goleiros Jack Butland (24) e Jordan Pickford (23) desafiam 75 Hart, Joe Hart, para ver quem vai vestir a camisa de número 1.