Nike lança sua 1ª Mercurial cano baixo em tecido tricotado. Será usada por Hazard

0

A Nike apresentou nesta segunda-feira sua primeira chuteira Mercurial Vapor (cano baixo) feita com cabedal em tecido tricotado (Flyknit), ao invés do tradicional couro sintético. O nome completo da chuteira é Nike Mercurial Ultra Flyknit Vapor e será usada exclusivamente pelo meia belga Eden Hazard, do Chelsea.No Brasil, chegam apenas 12 pares desse modelo para venda a partir de 18/09 ao preço de R$ 1.299.90.

A Nike escolheu um momento estratégico para fazer esse lançamento, já que a Bélgica conseguiu neste final de semana carimbar sua classificação para a Copa de 2018. A equipe promete chegar mais forte e madura para o Mundial da Rússia se compararmos com a decepção que foi na Copa de 2014, apontada como uma forte equipe, mas deixando a competição muito precocemente.

A Nike também foi estratégica em escolher o meia belga Eden Hazard, já que Neymar parece que não vai abrir mão do modelo feito em cabedal de couro sintético, a Mercurial Vapor, atualmente na XI edição. Vale lembrar também que a chuteira de Neymar atualmente é a personalizada em azul, branco, amarelo e verde com inscrições relacionadas a fatos marcantes em sua vida pessoal e carreira. [[imagem44909]]

Voltando ao modelo Nike Mercurial Ultra Flyknit Vapor, a marca estadunidense deve, sim, estar fazendo um teste com esse modelo no mercado, já que os modelos Nike Mercurial Superfly (cano alto), Nike Hypervenom, Nike Magista e até a Nike Tiempo, já usam o tecido Flyknit na composição de suas respectivas versões top de linha. A última edição da chuteira clássica Tiempo veio, pela primeira vez, com o tecido tricotado na parte do calcanhar, preservando o restante do cabedal em couro de canguru.

Com o teste do material Nike Flyknit na Mercurial Vapor, fica a dúvida no ar se a marca poderia extinguir esse modelo em couro sintético. A maior probabilidade é de que não, já que seu jogador mais importante em potencial, Neymar, sempre mostrou uma preferência muito grande pela Vapor, principalmente com a chegada da segunda geração da Nike Hypervenom, chuteira que foi criada para o brasileiro, mas caiu no desgosto de Ney após a primeira geração. [[imagem44910]]

Com essa chuteira feita pessoalmente para Hazard, o meia belga soou empolgado em usá-la em campo. "Eu tenho jogado com a Mercurial por 15 anos, e elas sempre foram ótimas… Essa nova chuteira ficou muito boa e é perfeita para o meu estilo de futebol”, analisou o belga, que adicionou uma fala sobre seus objetivos: “Eu quero ganhar muitos troféus e talvez até a Bola de Ouro. Isso seria ótimo." A Nike aproveitou e separou imagens de todas as edições da Nike Mercurial usadas pelo belga (veja abaixo e na galeria).

Sobre a Nike Mercurial Ultra Flyknit Vapor

A Nike Mercurial Ultra Flyknit Vapor chegou em duas cores e já estão disponíveis no Hemisfério Norte por US$ 250 (cerca de R$ 790). Uma opção é preta com detalhes em dourado mais escuro no símbolo da Nike e solado, versão que deve ser usada por Hazard. A outra é completamente preta, incluindo os detalhes, mas com um solado em cinza mais escuro.

As duas chuteiras têm uma minúscula bandeira da Itália no calcanhar. A principal e mais tecnológica fábrica de chuteiras da Nike fica na Itália, já que a bandeira impressa nas chuteiras não se refere ao país de nascimento de Hazard, a Bélgica.

Características técnicas da Nike Mercurial Ultra Flyknit Vapor, segundo a fabricante:

– Cabedal em peça única feito em Flyknit (tecido tricotado) e com “costelas” de velocidade texturizada
– Solado em 3D feito para velocidade
– “Costelas” de velocidade em relevo para maior aderência e controle de bola
– Sistema Nike Grip para evitar que o pé escorregue dentro da chuteira