Conheça as fornecedoras de uniformes da Liga Europa 2017-18

0
166

A página Planetafobol.com criou mais um de seus infográficos e trouxe agora um mapa de todas as fornecedoras de uniformes dos times presentes na fase de grupos da Liga Europa 2017-18.

Se no infográfico das marcas esportivas da Liga dos Campeões 2017-18 a Adidas vence a batalha com Nike por 13 a 12 nos times patrocinados, a marca alemã volta a ganhar da rival por 13 a 10 na segunda mais importante competição entre clubes do Velho Continente.

Além do duelo entre as duas maiores marcas, podemos destacar outros pontos neste mapa das marcas esportivas da Europa League. O primeiro é que na fase de grupos da Liga dos Campeões só contamos com marcas conhecidas (seis delas), enquanto no torneio menos nobre surgem marcas que o leitor pode desconhecer.

Se o leitor é assíduo do Guia do Boleiro, com certeza já viu uniformes da Jako ou ou Erima, mas a chance é muito grande de ele nunca ter ouvido falar nas marcas Patrick e Acerbis. O editor aqui pode confessar que nunca havia ouvido falar na Patrick.

Vale destacar também que o time israelense do Maccabi Tel Aviv pegou o mesmo caminho de alguns clubes brasileiros, como Paysandu e Joinville, e criou sua marca própria de uniformes. O time até já lançou suas camisas titular, reserva e terceira temporada 2017-18, que serão usadas na Liga Europa.

Outro aspecto que vale ser enfatizado é a situação da Puma neste infográfico. Finalmente, a atual terceira maior marca esportiva no mundo está representada nessa mesma posição na distribuição dos times, com cinco deles (mesmo número que Macron), incluindo o mais importante entre eles, o Arsenal.

No infográfico dos times da Liga dos Campeões 2017-18, a Puma está representada apenas com o time alemão do Borussia Dortmund, enquanto a New Balance tem quatro equipes no torneio.

Entre os times com mais condições de vencer a competição, o Sevilla dá novamente destaque para a New Balance, enquanto Puma tem Arsenal, a Adidas joga com Milan, a Nike conta com Zenit, a Macron aposta na Lazio e a Umbro torce pelo Everton.