Valor de patrocínios nas camisas do Inglês quadruplicam em oito anos

0

Um estudo divulgado pela agência inglesa de análises Sporting Intelligence divulgou uma tabela com os valores de patrocínio de camisas de todos os 20 integrantes do Campeonato Inglês de 2017-18. Os números mostram um total de 281,8 milhões de libras, um aumento de 55 milhões se comparado à temporada anterior.[[imagem44400]]

Se pegarmos esse mesmo valor e compararmos à temporada de 2009-10, podemos notar um aumento de cerca de quatro vezes nesse montante, já que há oito anos ele era de 72 milhões, quando o líder dos ganhos era o time do Liverpool. Vale destacar ainda que o estudo não inclui os valores de patrocínios em mangas de camisa, uma prática que se iniciou para a temporada de 2017-18.

Ou seja, se colocarmos esses números dos patrocínios nas mangas dos uniformes, o valor ganha tranquilamente mais de 10 milhões de libras, já que esse valor é pago somente pela Nexen, da Coreia do Sul, para estampar sua marca na lateral da camisa do Manchester City. [[imagem44401]]

Outra coisa que chama a atenção no estudo é a incrível disparidade entre o valor de patrocínio pago pelos primeiros colocados na lista em comparação com os últimos. A Chevrolet, na camisa do Manchester United, paga um valor recorde de 47 milhões de libras anuais, o que é cerca de 30 vezes mais do que é arrecadado por Huddersfield Town e por Brighton, ambos ganhando 1,5 milhão de libras cada um. [[imagem44402]]

Nem é preciso, porém, descer tanto na tabela, já que o sétimo colocado, West Ham, receberá 10 milhões de libras da empresa Betway, quase cinco vezes menos que os Diabos Vermelhos.

Outro aspecto que chama a atenção na tabela é o impressionante aumento e presença de empresas de apostas online. São nove empresas dessa natureza, todas com diferentes nomes e lugares do mundo. É quase a metade dos 20 times com patrocínios de empresas online. Há oito anos, eram apenas quatro. [[imagem44403]]