Justiça ordena que Juventus pague 2 milhões de euros à Nike

0
98

Depois de uma ação movida pela Nike contra a equipe da Juventus em 2014, o Tribunal Arbitral de Genebra acabou de decidir que o clube italiano deve pagar à marca norte-americana uma multa de 2 milhões de euros. [[imagem38027]]

O clube alvinegro terá de pagar essa quantia, pois adicionou na camisa de 2012/2013 um terceiro escudeto, por meio de outro patrocinador, o que gerou a denúncia da Nike. Nas temporadas de 2004/2005 e 2005/2006, a Juventus foi envolvida em escândalos de apostas e manipulação de resultados, e a federação italiana não mais reconheceu os títulos da Juve desses anos.

Com a decisão da federação, o clube italiano havia chegado a um acordo com a Nike de deixar apenas dois escudetos na camisa (referentes aos 28 títulos reconhecidos) e a inscrição 30 sul campo (30 no campo), deixando claro que a Juventus queria mostrar ao mundo que conquistou 30 títulos jogando futebol e não concordava com a federação.[[imagem38028]]

Devido a essa indignação do clube, a Juve desobedeceu esse acordo com a Nike, fez o terceiro escudeto “por fora” e vendeu para seus torcedores. Agora, a reviravolta puniu a Juve para pagar os 2 milhões de euros para a Nike por desrespeito ao acordo firmado na época. O tribunal de Genebra (Suíça) ainda diminuiu bastante o valor pedido inicialmente pela Nike, que era de 80 milhões de euros.

Um fato bem interessante sobre toda essa história bem peculiar é que, em 2014, a Juventus finalmente conquistou seus 30 títulos italianos reconhecidos pela federação. Naquele mesmo ano, a Adidas tomou o lugar da Nike como fornecedora de uniformes da Juve e comunicou posteriormente que a Juve voltaria a estampar os 3 escudetos na camisa, agora assinada pela empresa alemã.[[imagem38029]]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here