Camisas do Paysandu para 2016 são lançadas com marca própria: o Lobo

0
154

 O Paysandu é mais uma equipe a embarcar na estratégia de descartar uma marca esportiva no peito, literalmente, para confeccionar um uniforme com marca própria. A equipe do Pará apresentou na noite desta quarta-feira, em evento com a presença das panicats Aricia Silva e Mari Gonzalez, suas novas camisas para a temporada 2016 com a imagem do Lobo como marca esportiva. {para comprar camisas do Paysandu linha Lobo, clique aqui}

> Terceira camisa: Paysandu lança terceiro uniforme para 2016

O Lobo é o mascote do clube paraense e foi a forma encontrada pelo clube para estampar uma marca própria. “É uma camisa que possui os mais altos padrões de qualidade, com produtos importados, e que é um marco para a nossa história. Amadurecemos essa iniciativa depois que recebemos no ano passado uma proposta de outra marca, onde percebemos que o nosso ganho seria muito pouco. Com a nossa própria marca, podemos ter um ganho maior e podemos proporcionar ao nosso torcedor vários produtos de qualidade”, analisou o presidente do clube, Alberto Mai. [[imagem34943]]

A camisa terá o custo de R$ 169,90 e com certeza trará um lucro maior para o clube, já que não precisa dividir uma fatia do arrecadado com uma fornecedora esportiva. A confiança da equipe paraense no produto é tanta que o Paysandu criou uma imagem mostrando as qualidades e características da camisa original. Entre elas, estão três selos da marca própria Lobo e uma etiqueta holográfica na região interna da nuca. Até uma campanha com a #EuVistoLobo foi criada pelo clube.

Adidas lança coleção de luvas de goleiro em homenagem a lendas da posição

A nova camisa titular do Paysandu é extremamente clássica com as listras grossas em branco e azul celeste, que fazem um discreto degradê da parte de cima para baixo. O degradê também é visto na camisa reserva que é majoritariamente branca com uma listra única na vertical que passa pelo escudo do clube. Foram apresentados no evento também linhas de treino e viagem da equipe do Papão.

Neste ano, outro clube que já apresentou as camisas com “autonomia” é o Santos, que realizou uma estratégia um pouco diferente que o Papão. O Peixe delegou o design das camisas para a Kappa, mas agora cuida do restante como confecção e distribuição e desta forma quase que quadriplicou seu ganhou por venda de unidade de camisa. [[galeria]]

Siga o Guia do Boleiro no Twitter e no Instagram.