Barcelona planeja abrir escritório em São Paulo antes das Olimpíadas 2016

0

Enquanto dentro de campo o Barcelona domina as manchetes com as grandes atuações de Messi, Neymar, Suárez e companhia, fora dele a direção do clube traça estratégias ousadas para aumentar a receita. Com a meta de arrecadar um bilhão de euros anualmente até 2021, o time espanhol abrirá em breve três novos escritórios ao redor do mundo, sendo um deles em São Paulo.

[[imagem34173]]

Atualmente, o Barcelona já possui um escritório em Hong Kong para buscar oportunidades de negócios no mercado asiático. Além da capital paulista, os dois outros novos locais escolhidos foram Nova York (com inauguração prevista para janeiro), com o objetivo de fechar acordo nos Estados Unidos, Canadá e México, e Pequim, com foco exclusivo no grande mercado chinês.

Barcelona faz vídeo para celebrar Messi e Neymar na Bola de Ouro 2015

No caso do escritório de São Paulo, que o Barça pretende abrir antes das Olimpíadas de 2016 no Rio de Janeiro, além de explorar mais de perto o potencial do Brasil, a intenção é ter a capital paulista como base para a negociação de acordos de marketing e patrocínio em toda a América do Sul. Atualmente, o clube tem como "sócio" no Brasil o pai de Neymar, que ganha comissões para fechar contratos com patrocinadores locais.

Chuteira “Ousadia e Alegria” 2016 vaza e Neymar posta foto teaser

A meta de chegar a uma receita anual de um bilhão de euros até 2021 já havia sido expressada durante a campanha eleitoral do atual presidente do clube, Josep Maria Bartomeu. Agora, o objetivo é que os novos escritórios ajudem, com acordos locais, a dar um salto quantitativo e qualitativo nas receitas de marketing e patrocínio.

[[imagem34172]]

Para realizar novas parcerias localmente, cada novo escritório deve contar com executivos enviados pelo time catalão e contratar funcionários do país com conhecimento do respectivo mercado.

> Conheça a camiseta especial para a despedida de Rogério Ceni

Segundo o vice-presidente de marketing e mídia do Barça, Manuel Arroyo, nos últimos quatro anos a receita do clube passou de 121 milhões para 223 milhões de euros. E isso sem contar a temporada 2014-2015, que deve ter sido ainda melhor. Em número de patrocinadores, o time passou de 5 para 35. E, em breve, as renovações contratuais com Qatar Airways e Nike prometem ser bastante lucrativas. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here