Terceira camisa São Paulo 2015 bordô é lançada pela Under Armour. Marca acerta na mosca

0

[[imagem33230]] A terceira camisa do São Paulo para 2015 foi lançada oficialmente pela Under Armour antes da partida contra o Vasco da Gama, no último domingo, e era uma das novidades mais aguardadas pelo são-paulino nos últimos anos. A ação da nova fornecedora norte-americana veio com vários acertos para os torcedores e até jogadores, todos ansiosos por um lançamento de manto digno do tamanho do tricolor.

{Para comprar a terceira camisa do São Paulo, clique aqui}

Mais abaixo, faremos um panorama com as pisadas de bola nesta última gestão da Penalty com o clube e um detalhamento maior dos golaços da Under Armour, mas primeiramente falemos sobre essa nova terceira camisa na cor bordô. O lançamento trouxe duas versões de camisa: a bordô e a grafite feita especialmente para Rogério Ceni, a “Armadura Especial #PraSempreM1TO”, que chegou com um belo vídeo em que o capitão são-paulino se enfrenta em um auto-duelo, tentando defender suas melhores cobranças de falta na história.

As camisas 3 do São Paulo homenageiam então uma marca impressionante de Rogério Ceni: o 25º aniversário do capitão como atleta do clube. Com mesmo design, as duas versões da terceira camisa vêm com gola V e trazem detalhes dourados e uma faixa que corta o meio do manto. A camisa de linha custa R$ 229,99 e a de goleiro R$ 249,99, com um selo redondo dourado no meio da faixa dourada com a inscrição 25 anos do Mito. As versões de preço são: feminina (R$ 199,99), juvenil (R$ 189,99) e idêntica à utilizada pelos jogadores (R$ 379,90). [[imagem33231]]

Pisadas de bola da Penalty

Infelizmente, a recente passagem da Penalty não caiu no gosto do torcedor são-paulino. Com certeza, ele tem um carinho saudosista pela marca brasileira, mas precisava agora de uma marca internacionalmente forte. A Penalty vestiu o time paulista em três períodos: de 1991 até 1994, de 1999 até o começo de 2003 e este último de 2013 a 2015. Ou seja, dois títulos mundiais do São Paulo (1992 e 93) foram conquistados com camisas da marca Penalty. Além disso, a empresa havia criado em parceria com Ceni aquela série de mantos com desenhos do goleiro são-paulino.

No entanto, a frente das grandes marcas atuais e a passagem “negativa” da Penalty neste último período foram cruciais para que o são-paulino ficasse sedento por uma nova grande fornecedora de uniformes. Apesar de alguns lançamentos de uniformes interessantes – como o comemorativo dos 20 anos da conquista do primeiro Mundial de Clubes e as camisas com homenagem ao ídolo centenário Leônidas, as bolas foras foram numerosas e graves.

Atrasos de pagamentos da Penalty para o São Paulo, um uniforme especial inteiramente vermelho que não caiu no gosto dos torcedores e o lançamento de uma camisa que decretava uma antecipação da carreira de Rogério Ceni frustraram bastante os tricolores.

Golaços da Under Armour [[imagem33223]]  – Carinho com o maior ídolo do clube
Se recuperarmos na memória, Rogério Ceni ficou tão abismado com o erro na comunicação de um lançamento de uniforme da Penalty que dizia que ele iria se aposentar que o goleiro nem foi na apresentação da roupa. Desta vez, foi o oposto. Ele não só mostrou que gostou bastante da camisa, como também participou e estrelou o filme M1TO x M1TO

– Sensação de pioneirismo e exclusividade
A Under Armour é a marca esportiva que mais cresceu nos últimos anos, incluindo o segmento de futebol. O material dela é de qualidade e inovador. O principal, no entanto, é que o são-paulino veste uma camisa com uma marca que nenhum outro time brasileiro possui.

– Acerto no uniforme fora dos padrões titular e reserva
Esse terceiro uniforme bordô do São Paulo foi quase unanimidade entre os são-paulinos. Ficou com um design bacana, enalteceu Rogério Ceni, seguiu a tradição de cores do tricolor e ainda veio com uma campanha e vídeo da Under Armour que ganharam notoriedade. Vale lembrar o peso que foi esse lançamento, já que foi a primeira vez que o clube tricolor mudou o estatuto para começar a utilizar um terceiro uniforme.

– Campanha publicitária original
Quando a Penalty voltou a vestir o São Paulo nesta última passagem, ela lançou uma campanha publicitária que lançava uma balão com uma câmera e a camisa do São Paulo para o espaço sideral. Apesar de ser uma boa ideia, o Manchester City havia feito a mesma ação meses atrás. Já o vídeo M1TO x M1TO exaltou o maior orgulho são-paulino: a artilharia e as defesas do Rogério Ceni, em 25 anos de história pelo clube tricolor.

Tem mais pontos a destacar, leitor? Concorda? Discorda? Participe da discussão e poste um comentário abaixo