Neymar descarta Hypervenom e utiliza chuteira Mercurial em treino do Barcelona

0
317

[[imagem32393]] Desde que a Nike lançou um modelo de chuteira feito para os pedidos e gosto do atacante Neymar – a Hypervenom -, o brasileiro sempre procurou utilizar o produto em treinos e jogos do Barcelona. No treino desta terça-feira do time catalão, no entanto, Neymar Jr deixou de lado a chuteira feita praticamente sob encomenda para ele e utilizou a Mercurial Vapor.

Troca: Após 3 jogos, Neymar assume Mercurial e deixa de lado Hypervenom

A Mercurial que Neymar colocou nos pés nesta terça-feira é o modelo cano baixo (denominado Vapor) e da linha Electro Flare, apresentada ontem pela marca norte-americana com um design que lembra o de grafite na cor neon. [[imagem32396]]

Essa troca de modelos pode ser apenas um teste de Neymar ou pode significar um problema grave para os planos da Nike. Desde que foi lançada em 2013, a Hypervenom ganhou muita repercussão com o camisa 10 da seleção brasileira como garoto-propaganda.

Receba as notícias do gb direto no seu navegador. Baixe nossa extensão Chrome

 

Antes disso, mostramos aqui no Guia do Boleiro toda a evolução e acompanhamento da longa introdução da chuteira Hypervenom nos pés de Neymar, principalmente com a utilização de diferentes protótipos nos treinos do Santos em 2012 e 2013.

[[imagem32400]] Hypervenom II é o problema?

Com o lançamento da Hypervenom I, Neymar mostrou que se adaptou bem ao modelo “letal” da Nike. O problema, porém, pode ser visto com a chegada da nova geração, a Hypervenom II, que trouxe duas diferenças importantes para a antecessora: o cano alto e um cabedal com o material (Nike Skin) um pouco mais macio.

Neymar posou no lançamento da Hypervenom II com o modelo em cano alto e jogou suas primeiras partidas com ela. Depois, pediu para encurtar um pouco o cano alto, mas até aí tudo bem, já que Cristiano Ronaldo também solicitou uma diminuição do Dynamic Collar. [[imagem32397]]

Mas não parou por aí. Depois da adoção da Hypervenom 2, Neymar passou a treinar com diferentes protótipos, que pareciam adaptações e alterações do seu modelo de chuteira, e de vez em quando mostrou em campo incômodos com a Hyper II.

Vale lembrar que a marca concorrente Adidas teve problemas quando lançou a chuteira Primeknit (com tecido tricotado) por ter um cabedal muito fino e macio demais para as duras divididas do futebol. Na geração posterior, a Primeknit II veio com um cabedal um pouco mais reforçado.

Rival dentro do Campeonato Espanhol, o ainda nome mais importante da Nike, Cristiano Ronaldo, é o embaixador da Mercurial. O português tem até uma linha exclusiva lançada anualmente, portanto, é pouco provável que Neymar esteja assumindo o modelo Mercurial, assim como CR7 fez quando o brasileiro Ronaldo Fenômeno “herdou” a Mercurial para o português.

Agora, é aguardar para ver o que está acontecendo com Neymar e seu modelo de chuteira, a Hypervenom.

O que você acha que pode estar acontecendo, leitor? [[imagem32398]]
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here