Diante do assédio da Nike, Adidas pode fechar contrato de 1 bilhão de euros com Alemanha

0

O jornal alemão BILD noticiou nesta semana que a Adidas está preparada para renovar seu contrato de fornecedora da seleção alemã por um valor astronômico: 100 milhões de euros por ano por um contrato de 10 anos. O total é de 1 bilhão de euros (R$ 4,2 bi).

Segundo o jornal, a proposta bilionária tenta brecar o assédio da Nike em tirar a Alemanha da Adidas, já que a marca norte-americana estaria pronta para fazer uma oferta próxima a esse valor.

Se a Nike fechar com a seleção alemã – o que é uma possibilidade difícil de acontecer -, seria uma derrota muito significativa da Adidas. A marca alemã perderia sua “seleção-sede”. A empresa das três listras já sofreu uma baixa imensa quando perdeu a França para a Nike, num acordo de 42,6 milhões de euros anuais.

“Nosso contrato vigente com a DFB vai até o final de 2018. Então é muito cedo para especular sobre renovação. Adidas e Alemanha praticamente se pertencem. Aqui na Adidas, geralmente não comentamos sobre detalhes de contratos”, disse o porta-voz da Adidas, Oliver Brüggen. [[imagem31933]]