Jogador do ano na Inglaterra, Eden Hazard ganha chuteira exclusiva da Nike

0
276

[[imagem28503]]

Cristiano Ronaldo e Neymar podem ser os principais astros da Nike, mas com certeza não são os únicos a orgulhar a patrocinadora. Outro jogador apoiado pela marca, Eden Hazard, do Chelsea, foi eleito o melhor jogador do Campeonato Inglês 2014-2015 e, com o fim da competição, recebeu da empresa uma chuteira exclusiva para celebrar sua ótima temporada.

> Adidas lança X 15, nova chuteira de Suárez, Bale, Benzema, Müller e Morata

A chuteira exclusiva feita pela Nike para Hazard é baseada Mercurial Vapor X, versão tradicional do modelo com cano baixo. No entanto, o visual é totalmente único e feito apenas para o jogador belga. A chuteira é branca, mas traz em todo o cabedal imagens azuis que lembram raios. Nos lados internos dos dois pés, esses raios formam o nome do craque.

[[galeria]]

Segundo a Nike, o desenho da chuteira foi inspirado na "marca registrada de Hazard, sua habilidade para eletrizar o jogo com ritmo, faro e malandragem". A sola da chuteira é preta e, completando o visual, aparecem na região do calcanhar a bandeira da Bélgica, o logotipo do jogador, sua frase lema, "Rien ne me touche", que significa "Ninguém pode me tocar", e a data na qual ele foi eleito jogador do ano da Premier League, 26.04.15.

Adidas apresenta nova chuteira de controle Ace, de Oscar e James Rodríguez

"Essa temporada foi incrível para mim pessoalmente, para o time, para os torcedores e para a minha família. Ter essa Nike Mercurial Vapor especial feita apenas para celebrar o final da temporada e tudo que eu e o time conquistamos é uma verdadeira honra, eu amei elas", afirmou o jogador belga sobre o presente.

Nike lança chuteira Hypervenom II, e Neymar também jogará com cano alto

Hazard já fez a estreia das novas chuteiras justamente no último jogo da temporada do Campeonato Inglês, que aconteceu no último domingo e teve vitória por 3 a 1 do Chelsea. Segundo a Nike, apenas um par das chuteiras foi produzido para presentear o jogador e, portanto, elas não serão comercializadas.