Seleção feminina dos EUA lança uniforme preto e branco e é duramente criticada

0

Todos sabemos o quanto o norte-americano é patriótico. A bandeira do país é vista em entradas de muitas casas, carros e roupas também. Diante desse quadro, a Nike e a seleção feminina dos Estados Unidos apresentaram nesta quarta-feira o novo uniforme titular nas cores preto e branca e foram duramente criticados pelos torcedores.

A camisa já havia vazado antes do lançamento e as críticas eram enormes, todas focadas no fato de que as cores da bandeira estadunidense são vermelho, azul e branco. Uma jornalista da agência AP, Anne Peterson, escreveu um longo texto recriminando a escolha do alvinegro para o uniforme. Ela procurou ser discreta, mas sempre colocou perguntas de indignação como “Mas por quê?”, “Espera, o que é isso?” e “Por que não vermelho, azul e branco?”. Além disso, a jornalista também comentou o fato de que os uniformes vão contrastar muito com as chuteiras azul e amarelo neon.

As marcas esportivas sempre procuram inovar no design das camisas para não ficar repetindo imagens de uniformes anteriores e, claro, lucrarem mais. No entanto, o fato de que a Nike é uma marca norte-americana num país extremamente patriótico fez com que aumentasse ainda mais essa revolta. Além disso, esse é um ano importante para a seleção de Alex Morgan já que acontece a Copa do Mundo feminina. [[galeria]]