Forbes põe marcas Nike, Adidas, Under Armour e clubes Real Madrid, Barcelona e Manchester United entre os top 5

0

Lista com as 10 marcas mais valiosas em quatro segmentos diferentes, a relação Forbes Fab 40 foi divulgada nesta terça-feira e não trouxe muitas surpresas entre as primeiras colocações.

Com relação às marcas esportivas, as cinco maiores mantêm suas posições se comparadas ao ano passado. No entanto, há alguns detalhes importantes como as valorizações da Nike em US$ 1700 milhões e da Under Armour em US$ 400 mi. Há alguns meses, já havia sido noticiado que a empresa ultrapassou a Adidas no mercado norte-americano.

A Nike permanece então na primeira colocação com US$ 19 bilhões (em 2013, US$ 17,3). Em segundo, vem a cadeia esportiva da ESPN, com US$ 16,5 bi (US$ 1,5 bi a mais que o ano passado). A Adidas é a terceira com US$ 5,8 bi (queda brusca frente aos US$ 7,1 bi de 2013). A quarta colocação é da Sky Sports com US$ 4,5 bi, valorizando US$ 400 milhões. E a quinta posição é da Under Armour com US$ 4,1 bi, frente aos US$ 3,7 bi do ano passado.

No quesito clubes, a equipe de beisebol do New York Yankees, segundo a lista, é a mais valiosa do mundo com US$ 521 mi, seguido de Real Madrid (US$ 484 mi), Barcelona (US$ 438 mi), Dallas Cowboys (US$ 404 mi) e Manchester United (US$ 399 mi).

Apesar de muito respeitada pela imprensa no mundo inteiro (veja lista inteira aqui), há sempre uma dúvida sobre os critérios e cálculos para se chegar aos valores. E, por ser uma publicação norte-americana, fica sempre em xeque se as mensurações para as empresas compatriotas são mais consideradas ou mesmo acessíveis. A alemã Puma, por exemplo, é a terceira força no futebol, mas não figura entre as 10 da lista esportiva feita pela Forbes. Apesar de que, claro, o mercado esportivo nos Estados Unidos é o maior disparado em arrecadação.

Veja mais informações e colocações na galeria abaixo: [[galeria]]