Com Hypervenom, Neymar quebra jejum e é o melhor das Confederações

0
201

Neymar passou nove jogos sem marcar gols, mas, na primeira partida com a Hypervenom, nova aposta da Nike para o mercado de chuteiras, o atacante brasileiro balançou as redes do Japão, na estreia da Copa das Confederações, e abriu caminho para ser eleito o melhor jogador da competição realizada no Brasil.

LEIA MAIS: Brasil e Espanha assinam camisas em homenagem a Nelson Mandela

A recente contratação do Barcelona ajudou na criação do conceito da Hypervenom, uma chuteira feita sob medida para jogadores velozes e especializada em criar espaços em pequenas áreas do campo. Um cabedal feito em malha e um solado confeccionado em nylon comprimido tornam a novidade da Nike muito leve. As travas redondas facilitam a mudança de direção.

{Para comprar a chuteira Nike Hypervenom, clique aqui}

[[galeria]]

Com ela, Neymar acertou um bonito chute de fora da área contra o Japão, completou um cruzamento de primeira para vazar o goleiro do México, cobrou falta com precisão na Itália e superou o goleiro espanhol Iker Casillas, um dos melhores do mundo, na decisão da Copa das Confederações diante da Espanha.

De chuteira nova e com a tranquilidade do fim das negociações com o Barcelona, Neymar marcou quatro gols em cinco partidas e foi eleito pela Fifa o melhor jogador do torneio.