Espanha e Brasil assinam camisas em homenagem a Mandela

0

Jogadores de Espanha e Brasil, finalistas da Copa das Confederações que termina neste domingo, assinaram uma camisa de cada equipe em homenagem ao sul-africano Nelson Mandela, que está internado há 20 dias por causa de uma infecção pulmonar.

LEIA MAIS: Nike elogia ajuda de Neymar na criação da Hypervenom

O ex-presidente da África do Sul, vencedor do prêmio Nobel da Paz e principal líder da luta contra o apartheid em seu país continua em estado crítico, embora o primeiro-ministro sul-africano Jacob Zuma tenha dito que a condição de Madiba, como ele é conhecido, melhorou nos últimos dias.

Em uma rápida cerimônia antes da decisão no Estádio do Maracanã, o presidente da Fifa, Joseph Blatter, o chefe da CBF, José Maria Marin, e o seu respectivo na Associação de Futebol da Espanha, Angel Maria Villar Llona, entregaram as camisas a Tokyo Sexwale, representante da Fundação Nelson Mandela e amigo do ex-presidente sul-africano, que vai entregar os presentes quando retornar para a África do Sul.

"A força do esporte mais popular do mundo, que você gosta tanto, está contigo. Com esse gesto, o mundo do futebol quer mostrar o quanto está pensando em você", afirmou Blatter em um comunicado.