Camisa preta da seleção é inspirada por uniforme dos anos 50

0
183

A terça-feira foi dia de grandes novidades divulgadas pela Nike. No mesmo evento em que apresentou a nova chuteira Hypervenom, modelo que passará a ser usado por jogadores como Neymar e Wayne Rooney, a marca norte-americana lançou oficialmente a camisa 3 da seleção brasileira, inteiramente em preto.

Chuteira Hypervenom é o novo modelo da Nike para Neymar e Rooney

[[galeria]]O ex-atacante santista, recém contratado pelo Barcelona, foi a estrela do evento de lançamento dos dois novos produtos no Rio de Janeiro. Apesar da ousadia na escolha da cor preta, o design da camisa da seleção brasileira resgata um momento importante do passado do time, os anos 50, quando Pelé defendeu o Brasil pela primeira vez.

Leia também: Nike lança kit comemorativo aos 100 anos de futebol nos Estados Unidos

A camisa traz no peito o Cruzeiro do Sul e a inscrição "Brasil" em letras garrafais e tipografia que remete ao vestuário de décadas atrás. O orgulho do "país do futebol" também aparece nos detalhes, com um canarinho e cinco estrelas que representam o campeonato desenhados no lado interior das costas, além da frase "Nascico para jogar futebol" embaixo da ilustração.

Batizado de "Black Jersey", o novo uniforme tem previsão de chegada às lojas para o dia 1º de junho, duas semanas antes da estreia do Brasil na Copa das Confederações. O preço sugerido é de R$ 299,99.