Brasileiros estrelam lançamento da nova camisa titular do Liverpool

0

Fundado em 1982, o Liverpool é um dos times mais vitoriosos e tradicionais da Inglaterra, contando com 18 troféus do Campeonato Inglês. No entanto, não desempenha bom futebol há algumas temporadas. Para mudar o astral do time, a Warrior, fornecedora do material esportivo da equipe inglesa, se inspirou nos uniformes usados na temporada 1983/84 em que o Liverpool se sagrou campeão da Liga dos Campeões.

Diversos jogadores participaram da campanha de lançamento do novo uniforme, entre eles, o brasileiro Philippe Coutinho, que chegou aos Reds este ano, após passagem apagada pelo Espanyol, em contrato de empréstimo da Inter de Milão, para onde fora contratado com apenas 18 anos.

Outro brasileiro de destaque é o volante Lucas Leiva, que afirmou ter gostado bastante da nova camisa. “É um kit muito legal. Os pequenos detalhes em branco dão um toque diferenciad,o e o material é muito bom e muito confortável. Eu acredito que fizeram tudo que era possível para nos sentirmos bem, e certamente é um kit muito bonito”, afirmou o ex-gremista.

O material usado a que Lucas se refere é uma série de tecnologias utilizadas pela empresa americana no uniforme do Liverpool. Entre elas está a “highly-breathable”, ou alta-respiração, e a “moisture-wicking”, que serve para manter o jogador mais seco durante a partida.

O uniforme traz a tradicional cor vermelha como destaque e acrescenta detalhes em branco na gola em formato V diferenciado e nas mangas. No peito, o Livebird que está dentro do brasão do clube inglês ganha destaque no lugar do próprio distintivo.

Os kits estão disponíveis para pré-venda ao preço de 45 libras, cerca R$ 140,00 e os uniformes devem chegar às lojas no dia 30 de maio. O uniforme de goleiro também foi lançado e será branco com mangas compridas. Pepe Reina foi o representante da meta dos Reds no lançamento do conjunto, que custará 50 libras, aproximadamente R$ 156,00.

[[galeria]]