San Lorenzo usa camisa que homenageia Papa e vence no Argentino

0

[[imagem3000]]Com a benção do Papa. Neste sábado, o San Lorenzo conquistou uma vitória de 1 a 0 frente ao Colón, pelo Campeonato Argentino, vestindo uma camisa com vários detalhes que reverenciam o novo Papa da Igreja Católica, o compatriota Jorge Mario Bergoglio, ou Francisco, como ele prefere ser chamado.

O manto “sagrado” com o qual os atletas da equipe de Buenos Aires entraram em campo tem no meio do peito a inscrição Papa Francisco e a imagem do pontífice, que se declarou torcedor fervoroso do Ciclón (ciclone). O curioso é que o único gol do duelo foi contra, anotado pelo atacante Rubén Ramírez, de mão, aos 28 minutos de jogo

O fato deu margem para novas brincadeiras com a frase “La mano de Dios”, como fez o site 24siete, completando inclusive com o adjetivo "milagrosamente". Já o jornal Primera Edicion colocou o título: "Mano Santa" (mão santa).

Galeria de Messi expõe chuteira dedicada ao gol de Maradona em 86

A frase original de "La mano de Dios" foi proferida por Maradona, após o gol decisivo na Copa de 1986 que classificou a Argentina diante da Inglaterra e fez parte do caminho que levou a equipe branca e azul ao título.

[[imagem2998]]Camisa enviada ao cardeal tem mais detalhes

Além do uniforme utilizado pelos jogadores, o San Lorenzo fez uma camisa para enviar ao papa Francisco com detalhes personalizados. Além da inscrição Francisco, há uma auréola dourada acima do nome e do distintivo da equipe argentina.

Não foi comunicado pelo time se alguma dessas versões será colocada à venda. De qualquer forma, parece que clube de Buenos Aires deve continuar se aproveitando da situação para atrair mais holofotes. Durante a semana, o clube chegou a enviar também uma carta de agradecimento ao papa Francisco, de 76 anos.

[[galeria]]